sábado, 12 de janeiro de 2013

(Entrar e) Sair do armário

Lindsay Lohan fechou-se, durante quatro horas, num armário.
(É parvo, mas ainda agora começou)
A actriz quis assim evitar a rodagem de uma cena de sexo a quatro, com três actores pornográficos...
(Se julgam que isto fica por aqui, desenganem-se)
O realizador do dito filme, "The Canyons", Paul Schrader (autor do guião de "Taxi Driver" e realizador de "American Gigolo") decidiu, num acto sensato e até bastante ponderado, que a melhor maneira de fazer a pobre da Lindsay sair do armário seria... despir-se. O intuito? Deixar a actriz "à vontade".
Ora bem, tendo em conta que Paul Schrader é este senhor:



E Lindsay Lohan, apesar de já ter conhecido melhores dias, ainda há-de manter alguma coisa desta aparência:



Penso: o mundo está, definitivamente, ao contrário...
Então não era muito mais lógico o Paul ter-se enfiado num armário ao saber que ia ter de rodar uma cena de sexo com três actores porno e a Lindsay tirar a roupa para o convencer a sair de lá? Sò para ele ficar mais... "à vontade".
Estamos, mesmo, perdidos...



T.  

Sem comentários:

Enviar um comentário